FECHAR
07 de dezembro de 2011
Voltar
Gestão Pública

Anel Viário do Ceará

O Anel Viário de Fortaleza, no Ceará, é a maior obra realizada nas rodovias federais que cortam o Ceará nos últimos 25 anos, e também uma das mais importantes em execução, pois irá desafogar o trânsito pesado da região. Também será a primeira pista em concreto do estado. Ao todo, serão 32 km de rodovia com sete viadutos, todos com alças de contorno, evitando as rotatórias, ciclovias, acostamentos e canteiro central com 10 metros de largura, permitindo uma futura ampliação, alem de três pontes.

Os  benefícios serão para a economia do estado, para o turismo e também para os cidadãos, pois a obra permitirá um maior desenvolvimento do mesmo, uma vez que haverá maior fluidez do tráfego de cargas no Ceará, evitando os congestionamentos diários; ligará as praias do Litoral Leste e do Litoral Oeste; e ofertará maior segurança para os usuários, ajudando a preservar a vida humana. Hoje, a pista possui apenas 11 metros de largura. Ao fim das obras, sua medida horizontal será triplicada. Serão 16,5m de um lado e 16,5m do outro, totalizando 33 metros. Essa extensão inclui canteiro central, ciclovias laterais, retornos, acostamentos e nova sinalização.

Para a construção do primeiro viaduto, que iniciou em janeiro, a SH está fornecendo o sistema Concreform SH, formas em aço galvanizado em que os painéis são conectados com apenas dois grampos que unem e alinham ao mesmo tempo, reduzindo a mão de obra necessária em até 70%, e as torres de carga LTT, que suportam cargas de 12 toneladas em qualquer altura. Já nas pontes, além desses equipamentos, também serão utilizadas as treliças SH100 e SH200, que permitem vencer vãos livres de 12m e 30m, respectivamente.

As obras, que estão sendo executadas pelo Consórcio Galvão-EIT, foram iniciadas em julho de 2010, com previsão de término em julho de 2012, a um custo de R$ 188 milhões.