FECHAR
24 de maio de 2018
Voltar

Infraestrutura

CCR pede na Justiça revisão de concessão da BR-163/MS

Fonte: O Estado de São Paulo

A CCR informou que ajuizou uma ação contra a União e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para revisão do contrato de concessão da BR-163/MS, administrada pela CCR MSVia.

O pedido de revisão, segundo comunicado da CCR, acontece devido a ocorrência de evento extraordinário consistente "em alterações econômicas imprevisíveis e supervenientes à assinatura do referido contrato de concessão, com pedido alternativo de rescisão".

A CCR disse ainda que a CCR MSVia continua a operar a rodovia BR-163/MS e a prestar os serviços aos usuários. Desde 2014 a CCR MSVia é a concessionária responsável pela administração da BR-163/MS. Com 845,4 quilômetros, a rodovia cruza o Estado de Mato Grosso do Sul entre as divisas com o Mato Grosso e com o Paraná. No primeiro trimestre deste ano, a CCR, teve lucro de R$ 446,8 milhões – alta de quase 36% sobre o mesmo período do ano anterior. O resultado foi puxado pela alta de 3,1% no tráfego das rodovias que administra, como a AutoBan e Nova Dutra.