FECHAR
16 de julho de 2020
Voltar

MERCADO

Controlar o desperdício de materiais na construção civil é essencial

O planejamento na construção civil é tão importante quanto a execução
Fonte: Assessoria de Imprensa

Em qualquer obra, é preciso lidar com o desperdício. Mas isso não é uma tarefa fácil, e a realidade atual demonstra isso. Em uma construção, em média, são gastos 8% a mais de materiais do que o necessário. Mas desperdícios e custos desnecessários podem sim ser evitados.

Justamente por isso, o planejamento na construção civil é tão importante quanto a execução.

De acordo com o diretor comercial da empresa de revestimentos sustentáveis Ecogranito, Renato Las Casas, a redução do desperdício gera não apenas o aumento do lucro e da produtividade, como também fomenta a sustentabilidade e a preservação ambiental.

"Com um planejamento adequado e um monitoramento constante, se torna quase que intuitivo o ato de minimizar os prejuízos financeiros e garantir um empreendimento sustentável e correto ambientalmente", observa.

Mas, para produzir um planejamento que seja realmente assertivo é necessário avaliar os pontos de atenção, para assim identificar maneiras de evitar os desperdícios de materiais, equipamentos, mão de obra e os diversos outros tipos de perda que podem existir em uma obra.

Uma boa alternativa é a implantação de ações que privilegiem a reuti...


Em qualquer obra, é preciso lidar com o desperdício. Mas isso não é uma tarefa fácil, e a realidade atual demonstra isso. Em uma construção, em média, são gastos 8% a mais de materiais do que o necessário. Mas desperdícios e custos desnecessários podem sim ser evitados.

Justamente por isso, o planejamento na construção civil é tão importante quanto a execução.

De acordo com o diretor comercial da empresa de revestimentos sustentáveis Ecogranito, Renato Las Casas, a redução do desperdício gera não apenas o aumento do lucro e da produtividade, como também fomenta a sustentabilidade e a preservação ambiental.

"Com um planejamento adequado e um monitoramento constante, se torna quase que intuitivo o ato de minimizar os prejuízos financeiros e garantir um empreendimento sustentável e correto ambientalmente", observa.

Mas, para produzir um planejamento que seja realmente assertivo é necessário avaliar os pontos de atenção, para assim identificar maneiras de evitar os desperdícios de materiais, equipamentos, mão de obra e os diversos outros tipos de perda que podem existir em uma obra.

Uma boa alternativa é a implantação de ações que privilegiem a reutilização de materiais.

"Além de contribuir com a redução de gastos e desperdícios, essa atitude também é uma maneira de prevenir e minimizar os impactos ambientais produzidos ao longo da rotina de obras. Adquirir novas tecnologias, como materiais sustentáveis e ecológicos, para a melhoria dos processos de construção também é essencial, especialmente no contexto atual", explica.

Ainda segundo o executivo, o transporte de materiais também deve ser foco de atenção. "Digo isso porque percebo que um processo produtivo mais prático, demanda menos gastos e evita o desperdício de tempo de mão de obra e de materiais. Organizar o canteiro de obras de modo inteligente é indicado para otimizar os processos e deslocamentos de materiais e pessoas", aponta Las Casas.