FECHAR
08 de outubro de 2020
Voltar

Dia Mundial da Arquitetura é comemorado com debates sobre o futuro das cidades

Criada pela União Internacional de Arquitetos (UIA) em 1985, data foi celebrada no dia 5 de outubro
Fonte: Assessoria de Imprensa

No dia 5 de outubro foi comemorado o Dia Mundial da Arquitetura. Neste ano, para comemorar a data o tema escolhido pela União Internacional de Arquitetos (UIA) foi “Rumo a um futuro urbano melhor”. Segundo o presidente da UIA, Thomas Vonier, “o planejamento urbano, o projeto e a arquitetura são essenciais para um futuro urbano melhor para todos”.

A UIA celebrou a data com um webinar. Moderado por Vonier e pelo secretário-geral da UIA, Serban Tiganas, o evento virtual apresentou painéis com especialistas globais para debater os desafios que as cidades de hoje enfrentam.

As associações que representam 3,2 milhões de arquitetos em todo o mundo mostraram como o planejamento urbano e a arquitetura podem tornar as comunidades fortes, seguras, equitativas e acessíveis.

Criado pela União Internacional de Arquitetos em 1985, o Dia Mundial da Arquitetura é comemorado em paralelo ao Dia Mundial do Habitat da ONU, cujo tema este ano é 'Moradia para Todos: Um Futuro Urbano Melhor'.

Até 31 de outubro, a ONU promoverá eventos, debates e comemorações sobre o tema, quando será celebrado o Dia Mundial das Cidades, de acordo com a Agenda das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, especialmente o Objetivo 11, de “tornar as cidades inclusivas, seguras, resilientes e sustent&a...


No dia 5 de outubro foi comemorado o Dia Mundial da Arquitetura. Neste ano, para comemorar a data o tema escolhido pela União Internacional de Arquitetos (UIA) foi “Rumo a um futuro urbano melhor”. Segundo o presidente da UIA, Thomas Vonier, “o planejamento urbano, o projeto e a arquitetura são essenciais para um futuro urbano melhor para todos”.

A UIA celebrou a data com um webinar. Moderado por Vonier e pelo secretário-geral da UIA, Serban Tiganas, o evento virtual apresentou painéis com especialistas globais para debater os desafios que as cidades de hoje enfrentam.

As associações que representam 3,2 milhões de arquitetos em todo o mundo mostraram como o planejamento urbano e a arquitetura podem tornar as comunidades fortes, seguras, equitativas e acessíveis.

Criado pela União Internacional de Arquitetos em 1985, o Dia Mundial da Arquitetura é comemorado em paralelo ao Dia Mundial do Habitat da ONU, cujo tema este ano é 'Moradia para Todos: Um Futuro Urbano Melhor'.

Até 31 de outubro, a ONU promoverá eventos, debates e comemorações sobre o tema, quando será celebrado o Dia Mundial das Cidades, de acordo com a Agenda das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, especialmente o Objetivo 11, de “tornar as cidades inclusivas, seguras, resilientes e sustentáveis”.

O presidente da UIA destaca que a pandemia está remodelando os costumes e espaços sociais em todo o mundo, e afetando as populações mais pobres e vulneráveis de maneira desproporcional. “Em muitas das cidades do mundo, as pessoas não podem seguir práticas seguras, simplesmente porque não têm água e ar limpos, e até mesmo o próprio espaço”, afirma Vonier. “As políticas urbanas devem garantir serviços adequados, abrigo e espaços recreativos para todos os cidadãos.”

No Brasil, as comemorações do Dia Mundial da Arquitetura e do Outubro Urbano seguiram os debates propostos pela 'Carta-Aberta à Sociedade e aos (às) Candidatos (as) nas Eleições Municipais de 2020 – Um projeto de cidades pós-pandemia', lançada pelo Colegiado de Entidades Nacionais de Arquitetos e Urbanistas do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil. “É preciso que a gente mude a cultura da gestão das cidades brasileiras”, afirma o presidente do CAU/BR, Luciano Guimarães.

O tema voltará a ser abordado no 27o Congresso Mundial de Arquitetos (UIA2021RIO), que a UIA promove em julho de 2021, no Rio de Janeiro, com apoio do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB).