FECHAR
FECHAR
20 de março de 2019
Voltar

INVESTIMENTOS

Empresa chinesa investe na construção de túnel ferroviário submarino

A Touchstone Capital Partners investirá US$17 bilhões em túnel que liga Finlândia à Estônia
Fonte: KHL

Uma empresa de investimentos de propriedade da China, a Touchstone Capital Partners, ofereceu € 15 bilhões para financiar parcialmente o túnel ferroviário submarino mais longo do mundo.

A ligação ferroviária de 103 km passará sob o Golfo da Finlândia, conectando a capital finlandesa, Helsinque, com a capital da Estônia, Tallinn, via Ilha.

Essa ilha é artificial, localizada a 15 km da costa finlandesa.

Quando concluída, a ligação ferroviária deverá reduzir os tempos de viagem para cerca de 20 minutos, beneficiando dezenas de milhares de pessoas que fazem atualmente uma travessia de duas horas de balsa.

O túnel será construído com um diâmetro de 17m, permitindo o desenvolvimento futuro de modais de transporte alternativos, incluindo uma possível conexão de tecnologia hyperloop – um sistema de transporte de alta velocidade.

Um terço do financiamento do projeto deve ser fornecido pela Touchstone como um investimento de capital privado, com o restante como financiamento da dívida.

O desenvolvedor do túnel, FinEstBayArea Development, teria assinado um memorando de entendimento com o fundo chinês, com as duas organizações definidas para concordar com acordos financeiros adicionais nos próximos seis meses.

O investimento soma-se aos € 100 milhões já garantidos pela FinEstBayArea Development da empresa de construção ARJ Holding, sediada em Dubai.

O desenvolvimento, um dos maiores projetos de infraestrutura na Europa, terá a Touchstone como acionista minoritária, com a FinEstBayArea procurando garantir mais investimentos de capital de partidos europeus, nórdicos e finlandeses.