FECHAR
FECHAR
08 de novembro de 2018
Voltar

Saneamento

Engeform anuncia novos projetos de saneamento que superam o valor de R$ 110 milhões

Obras envolvem construção de adutora para abastecimento de água em região metropolitana, redução da perda de água no centro da capital paulista e recuperação de créditos
Fonte: Assessoria de Imprensa

Com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento e a qualidade de vida da população por meio da engenharia, a Engeform anuncia três novos projetos de saneamento em São Paulo. Demandados pela Sabesp, eles superam o valor R$ 110 milhões e contemplam a construção de uma adutora para abastecimento de água na região de Caieira, Perus e Jaraguá; obra para a redução da perda de água no centro da capital e recuperação de créditos para a concessionária. Com isso, a empresa aumenta o seu portfólio na área, que já conta com mais de 100 projetos entregues."As três obras são de extrema importância e nos dão um imenso orgulho. Por meio da nossa arte de engenheirar, desenvolvemos soluções que influenciam diretamente na melhora da qualidade de vida das comunidades", destaca André Abucham, diretor-superintendente da Engeform.

Atualmente, cerca de 40% do fluxo de água da região central de São Paulo é desperdiçado. Este número será reduzido a, ao menos, 26% pela Engeform, por meio de uma obra avaliada em R$ 61,4 milhões, realizada em parceria com outras duas empresas. A iniciativa, que terá duração de dois anos, reestruturará mais de 52 km de dutos, atualmente feitos de ferro fundido e que serão substituídos por tubos de PEAD (Polietileno de Alta Densidade), uma matéria prima mais resistente e flexível; trocará 7,6 mil ramais – tubulação que interliga a rede pública de distribuição de água aos hidrômetros das residências; e instalará válvulas para o controle da pressão do sistema.

A Engeform também está à frente do projeto de melhoria no fluxo de abastecimento de água de Caieiras. Atualmente, ele é realizado por uma adutora com diâmetro 40% inferior à nova, que está sendo construída pela companhia. Ela interligará os três principais centros de redistribuição de água da região, localizados em Perus, Caieiras e Jaraguá.A obra, com o valor de R$ 45 milhões, conta com 140 profissionais dedicados e tem duração prevista de 900 dias. Nesse período, a empresa colocará uma tubulação de aço paralela à existente, com extensão de 7,8 mil metros e 1.050 milímetros de diâmetro.  Já nas áreas de Osasco, Barueri, Carapicuíba, Jandira, Santana do Paraíba e Pirapora do Bom Jesus, a Engeform começou a atuar na recuperação de créditos vencidos para a Sabesp. A iniciativa tem duração de 24 meses e está avaliada em cerca de R$ 8 milhões.

Outros projetos de Saneamento

Produção editorial: Revista Grandes Construções – Desenvolvido e atualizado por Diagrama Marketing Editoral